Entenda o funcionamento da válvula borboleta

Dispositivo de controle de fluxo impede e permite a passagem de fluidos

A válvula borboleta é o dispositivo de controle de fluxo que interrompe ou permite a passagem de fluido em uma tubulação, com base em um disco que gira 45°. O disco é conhecido como ‘borboleta’, emprestando seu nome para a válvula.

O funcionamento consiste através de uma alavanca ou de um punho exterior que deve ser girado ¼ de volta, para que a válvula esteja paralela a direção do tubo, permitindo a passagem do líquido. Quando a alavanca retorna a sua posição inicial, o disco retorna a borboleta para a sua base, fechando o fluxo.

A válvula borboleta possui inúmeras aplicações, atendendo vários segmentos, apesar de possuir o limite de pressão inferior a válvulas semelhantes, como a válvula esfera.

Na Flanjaço você encontra vários tipos de válvulas borboleta, atendendo todas necessidades de fluxo de tubulação com assento específico e variações da tampa para diferentes tipos de considerações de pressão. O disco borboleta também pode ser encontrado em diferentes materiais e formas para diferentes necessidades.

A válvula borboleta consiste em um corpo de metal ou plástico de alta resistência que é inserido entre dois tubos. Os acessórios podem ser encontrados com rosca e porcas para a fixação da válvula.

Materiais corrosivos e pressões extremas exigem materiais mais resistentes para o corpo suportar. Dentro do corpo se encontra o disco chamado borboleta, o mesmo gira em torno de uma haste que atravessa o centro do disco para cima e para fora do corpo, onde a alavanca é conectada. Quando o disco é girado em 45° ele pode permitir bloquear o fluxo, pois um disco paralelo com o tubo, permite o curso, enquanto a posição perpendicular impede a passagem do mesmo.

As válvulas borboletas podem ser operadas manualmente ou por um atuador. Quando operada manualmente, elas são equipadas com uma bucha tronco para reduzir as imposições de torque sobre quem a manuseia, tornando mais fácil o abrir e fechar da válvula.

Você pode encontrar algumas válvulas borboletas projetadas para lidar com as diferenças de pressão bidirecional, evitando o refluxo, quando um sistema unidirecional é aberto.

Outro modelo da válvula borboleta é a de encaixe, um estilo terminal onde o corpo é cercado por roscas em todos os lados, permitindo que a válvula seja ligada de um lado ou de outro, sem interferir na passagem do escoamento.

A Flanjaço oferece as melhores válvulas do mercado, atendendo as necessidades de todos os clientes. A empresa está sediada em Guarulhos (SP), na Avenida Chiyo Yamamoto, 306, Vila Nova Bonsucesso. Para mais informações e pedidos de orçamentos, acesse o site e preencha o formulário.